Hoje o décimo quarto álbum de estúdio do AC/DC, “Black Ice“, completa 6 anos!

O disco “Black Ice” foi lançado mundialmente no dia 17 de outubro de 2008. O lançamento tirou a poeira da banda que havia lançado o último álbum de estúdio em 2000, “Stiff Upper Lip” – produzido pelo irmão de MalcolmAngus, George Young.

Essa lacuna de 8 anos de lançamento fez com que “Black Ice” fosse um dos álbuns de estúdio mais longos do AC/DC – 15 músicas, tempo total de quase 56 minutos de música. A gravação do álbum foi atrasada devido à uma operação de emergência do baixista Cliff Williams, e também da decisão dos Youngs em trocarem de gravadora, deixando a Elektra Records e assinando contrato com a Sony Music (Columbia Records).

AC/DC no The Warehouse Studio em 2008

AC/DC no The Warehouse Studio em 2008

A primeira sessão de composição do álbum aconteceu com os irmãos Angus e Malcolm Young em Londres em 2003. As gravações com a banda reunida ocorreu durante os meses de Março e Abril de 2008 no The Warehouse Studio em Vancouver, Canadá. As músicas foram quase todas gravadas ao vivo no estúdio pela primeira vez com o produtor Brendan O’Brien; o engenheiro de som Mike Fraser usou pouco overdubs e efeitos para deixar as músicas mais próximas do conteúdo original.

“Black Ice” foi lançado exclusivamente em CD. Naquela época a banda ainda não queria vender os álbuns digitalmente. Então a Walmart conseguiu o direito exclusivo de vender o álbum na América do Norte. O disco foi lançado e promovido com uma pesada campanha de marketing contando com 4 capas diferentes, box de colecionador, promoções no site da banda e em rádios. Quatro singles foram lançados para o álbum: “Rock n’ Roll Train“, “Big Jack”, “Anything Goes” e “Money Made“. A banda lançou dois videoclipes, o primeiro foi da música “Rock n’ Roll Train” gravado em 2008. O segundo foi gravado durante as apresentações pela Europa em 2009, a banda gravou vídeo para a música “Anything Goes”.

Capas do álbum "Black Ice". AC/DC. 2008

Capas do álbum “Black Ice”. AC/DC. 2008

O álbum conquistou a primeira posição em 29 países incluindo Austrália, Canadá, Reino Unido e Estados Unidos. Foi segundo disco mais vendido de 2008, ficando atrás do disco “Viva La Vida or Death and All His Friends” do Coldplay. “Black Ice” vendeu mais de 6 milhões cópias na época. A música “War Machine” levou o prêmio na categoria de “Melhor Música de Hard Rock” do Grammy. A disco foi nomeado para diversos prêmios incluindo Grammy. Brit, Juno e ARIA Music Awards

AC/DC na primeira apresentação pela turnê "Black Ice". 2008.

AC/DC na primeira apresentação pela turnê “Black Ice”. 2008.

A turnê do álbum aconteceu entre 2008 até 2010. Foi a maior e mais bem  sucedida turnê da carreira da banda com 168 apresentações, público total de quase 5 milhões de pessoas, e arrecadou cerca de $441.600 milhões de dólares (cerca de 1 bilhão de reais).

A banda tocou no Brasil em uma única apresentação no Estádio do Morumbi no dia 27 de novembro de 2009 para quase 75.000 pessoas. Depois dessa apresentação, partiram pra Argentina para 3 apresentações onde gravaram o DVD “Live at River Plate (lançado em 2011), e que mais tarde também deu vida ao primeiro CD ao vivo da banda desde 1992, também com o título de “Live at River Plate” (lançado em 2012).

Clipe de “Rock n’ Roll Train” (2008)

Clipe de “Anything Goes” (2009)

Vídeo promocional do DVD e CD “Live at River Plate” (2012)

Comentários

Comentários